Em tempos de carnaval

Em tempos de carnaval
Não vesti a fantasia

Sambei à vida
Celebrei a alegria
De outros corações
fantasiados

Puro deleite
Na avenida virtual
Vi pés encontrarem
Sua alma negra…
Mãos orquestrarem
o ritmo acelerado
de seus corações

image

Vi mais

Vi muitos sorrisos
Infinitos,
simétricos ou não
– sempre harmônicos –
abrirem portas
em alheios corações

E sambei à paz
De alma branca
E preta – retinta!

By Gi / fev 2016

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s